LIVRO: TUDO QUE AFETA O MOVIMENTO – Luciano Portela

“Tudo que afeta o movimento” é o primeiro romance de Luciano Portela, autor natural de São Paulo, que também lançou o livro de contos “Carolina foi para o bar exibir seus lindos pés”(2014).

Publicado pela Editora Penalux esse ano, o livro conta com uma ótima diagramação, foi impresso em papel Pólen, o que garante uma leitura mais confortável aos olhos e possuí uma capa curiosamente bonita.

No livro acompanhamos as estórias de Dário, Mirela, o Machão ou Diabo Loiro e a Mulher Barbada. Dário é um machão sensível, apaixonado e casado com Mirela, o personagem é extremamente devotado à sua esposa paraplégica, por isso, estranha quando ela começa a apresentar comportamentos diferentes que lhe desperta a desconfiança de que talvez sua mulher o esteja traindo.

Sou o que sou, e talvez haja luz nisso.

O Machão é um personagem que foi criado no interior, em uma fazenda, e viu o amor de seu pai por sua mãe se deteriorar até chegar ao ponto de simplesmente tornar-se repúdio; repúdio que teve de ser combatido com uma ação do personagem ainda muito jovem. Essa ação que o jovem tomou, também o obrigou a ir embora e construir uma vida sozinho em São Paulo, onde conheceu a mulher de sua vida para logo depois perdê-la, não sem antes cometer mais uma ação que transformaria novamente sua vida, transformando-o no Machão do Clube das Mulheres.

Às vezes acho que sou essa sombra, não compareço ou compartilho nada mais com ela, estamos num limbo interminável, amar assim é difícil.

A Mulher Barbada também teve que ir para São Paulo em busca de uma vida melhor, pois a pequena cidade que nasceu tornou-se pequena demais para ele. Em São Paulo, ele conheceu a Dona Zulmira e juntou-se à sua trupe de circo, servindo de assistente para o Atirador de Facas que foi conquistando seu coração aos poucos, fazendo com que a sua relação com um recém conhecido não tivesse mais tanta graça, até que essa relação dos sonhos com o Atirador de Facas foi interrompida de maneira abrupta.

E viver com excesso de sentimentos redutivos, excesso de pena, excesso de autoestima baixa. Todos os dias parados na porta de casa, sentada nessa merda de cadeira de rodas com olhos tristes. Vendo pessoas passarem e me observarem com olhares iguais, de comiseração.

Todos esses personagens são apresentados para o leitor contando sua própria estória, cada um possuí seu capítulo e narra a sua visão dos fatos e somente a partir do momento que o leitor passa a ligar os pontos onde as estórias desses personagens se cruzam é que a trama começa a convergir para um centro e o centro aqui é Mirela.

Qualquer coisa para nunca mais ter o desprazer de viver uma vida sem vida.

Mirela, casada com Dário teve seus sonhos interrompidos quando em um acidente de carro, perdeu o movimento das pernas. Desde o acidente passou a viver sob os cuidados do marido e essa privação de movimentos para uma pessoa de alma livre trouxe muitas mudanças e conflitos para a personagem que vai cruzando o caminho dos outros personagens acrescentando coisas às suas personalidades e ganhando camadas para si conforme se relaciona.

Na obra, é a personagem privada de movimentos que justamente movimenta a vida dos outros personagens, mas essa não é também a ideia central do livro. O que chamou a minha atenção em “Tudo que Afeta o Movimento” é como o autor aborda as diferentes noções sobre o amor e o ato de se relacionar.  O autor brinca com a percepção do leitor ao fazer com que primeiro ele veja apenas um lado da moeda e depois perceba que talvez aquele jardim florido seja bonito, porém, sem o aroma necessário para tornar a apreciação completa do jardim.

É incrível ver como Luciano brinca com a construção da obra e nos faz dançar entre os personagens absorvendo cada ponto de vista e tentando construir uma opinião e uma verdade sobre aquilo tudo, afinal, como diria o ditado, há sempre três versões da verdade: a minha, a sua e a verdade em si.

“Tudo que afeta o movimento” é um livro de leitura fácil, fluída, divertida, instigante, construtiva e transformadora, onde o autor praticamente nos entrega uma análise sobre relacionamentos  em forma de quebra-cabeças, onde o leitor precisa entender o ponto de vista de cada personagem para formar um todo e nos mostra que precisamos nos aprofundar em detalhes para realmente ver e entender o que de longe parece bonito; além de deixar uma coisa muito clara nas entrelinhas: não há relacionamento algum sem diálogo.

Para adquirir seu exemplar, acesse a loja oficial da editora.

Quantos cafés “Tudo que Afeta o Movimento” merece?

3 comentários sobre “LIVRO: TUDO QUE AFETA O MOVIMENTO – Luciano Portela

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.